Como a arquitetura empresarial vai melhorar a interação das equipes de sua empresa

As mudanças no mercado de trabalho fizeram com que a atuação em equipe ganhasse grande relevância. Ao mesmo tempo, vários empreendimentos têm dificuldades para conseguir a integração entre as equipes de diversas áreas. Para resolver o problema, vale considerar a arquitetura empresarial.

Focada nas necessidades dos negócios, essa abordagem inclui muitas possibilidades e técnicas que favorecem o contato social. Ao ser usada corretamente, pode gerar ótimos resultados.

Por isso, veja como a arquitetura empresarial consegue elevar a integração dos times e entenda cada solução!

O layout aberto é um dos melhores jeitos de favorecer a interação

Os projetos voltados para a colaboração na empresa, normalmente, apresentam um ponto em comum: o layout aberto. A ideia de criar espaços integrados é um dos meios de fazer com que as pessoas estabeleçam bons relacionamentos e se integrem.

Isso é possível ao utilizar móveis comunais, como mesas longas de trabalho em vez de estações individuais. Também é interessante acabar com ou diminuir o número de paredes, com o objetivo de retirar as barreiras.

Ainda é viável ter salas específicas, como de reunião ou escritórios pontuais, mas a proposta aberta é uma excelente alternativa.

A disposição dos itens também fortalece o conceito

A escolha do posicionamento dos móveis e elementos é outro aspecto para fazer a arquitetura empresarial conduzir à interação de equipes. Ao tomar as decisões, a ideia é elaborar espaços que são aproveitados de maneira coletiva.

Em vez de criar fileiras e colunas de mesas, por exemplo, dá para apostar em uma disposição em círculos. A interação frente a frente melhora o contato e faz com que os resultados sejam otimizados.

arquitetura empresarial

Também é possível investir em outras eliminações de barreiras, com a elaboração de espaços coletivos por meio dos móveis e acessórios.

A entrada de luz natural está no foco da arquitetura empresarial

Um aspecto muito positivo para a interação das equipes é a iluminação natural. Quando um ambiente conta com esse elemento em abundância, há um estímulo aos relacionamentos sociais, o que favorece tal fator.

Em média, de 13 a 15 minutos de exposição a essa luz já é suficiente para disparar a sensação de felicidade. Imagine, então, o que isso pode fazer em uma jornada longa.

A arquitetura empresarial pode considerar isso ao planejar o uso de grandes janelas e elementos de apoio, como claraboias. A consequência vem na forma de mais bem-estar e menos estresse, o que ressoa positivamente nos relacionamentos.

A elaboração de espaços extras favorece os resultados

Para completar, existe a tendência de criar regiões altamente confortáveis e que se parecem mais com o lar que com o ambiente de trabalho. O objetivo é ajudar a diminuir o estresse associado ao local e melhorar a participação de todos.

Isso é possível ao criar pontos de lazer, como lounges de descanso, áreas com vista específica e até com elementos de entretenimento. As piscinas de bolinhas se tornaram febre das startups, mas há como prever outras modalidades para negócios de diversos segmentos.

A arquitetura empresarial é uma excelente aliada para melhorar a interação das equipes. Com as técnicas corretas, é possível aproveitar ao máximo o espaço e gerar novos resultados.

Se essas informações tiverem sido úteis, compartilhe o post nas suas redes sociais e curta a nossa página no facebook!

Comentário no facebook